07/09/2020 às 13h35min - Atualizada em 07/09/2020 às 13h35min

DE TOMBOS PARA O BRASIL: MANHOSO – O REI DAS MÚSICAS DE DUPLO SENTIDO

Nascido na década de 30 em Tombos, Edson Correia da Fonseca, o Manhoso foi para o Rio de Janeiro em 1960. A primeira apresentação de Manhoso, foi no programa de Flávio Cavalcanti, na extinta TV Tupi. 

O cantor se apresentava como cantor de sátiras sertanejas e foi convidado a gravar um disco Gravadora Copacabana em 1972 intitulado de “Eta Tráfego Danado”. Esse era apenas o primeiro de dezenas de álbuns lançados pelo cantor.
 
Nos anos 1970, Manhoso foi para a Gravadora RCA, onde gravou a maior parte de seus LP's. Dentre as gravações estão músicas hilárias, que deram nome aos alguns álbuns como em 1977  com A Força da Mandioca; 1983 - Só Capim Canela – RCA; 1988 - Tico-Tico - Terra Nova/3M e 2018 - Cadeia Neles (CD) - Gravadora Disco de Ouro Ltda.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »